Exploração de recursos minerais

Como explorar recursos minerais no Brasil

Saiba mais sobre como realizar a exploração de recursos minerais no país, os principais recursos explorados e o passo a passo para esse processo.

Breve Histórico da exploração de recursos minerais

A exploração de recursos minerais no Brasil ocorre desde que o país era colônia de Portugal, sendo os principais recursos extraídos o ouro e diamantes em diversas regiões do país.

Com o tempo, surgiram novas normas e regularizações para possibilitar a extração pela melhor maneira possível, garantindo principalmente a saúde das minas brasileiras.

Isso possibilitou que diversos empreendimentos pudessem funcionar de maneira mais eficiente e que garantiu que o setor da mineração fosse mais estável.

Atualmente, perante à lei, é possível dizer que os primeiros passos para se extrair recursos minerais do solo da união começam no requerimento de pesquisa mineral e termina com a concessão de lavra, que permite lavrar e comercializar os minérios.

Exploração de recursos minerais no Brasil

Podemos dividir, para fácil entendimento, a explotação de recursos minerais em dois portes: o dos metais e dos agregados e insumos agrícolas.

O mercado de agregados e insumos agrícolas consiste na extração de areia, pedras para brita, rochas ornamentais, calcário, argila e outros, enquanto o dos metais está centrado principalmente no ferro, ouro, manganês e bauxita.

Claro que outras substâncias são largamente lavradas e comercializadas no país, mas acabam não tendo tanta representatividade no meio nacional.

De maneira prática, a lavra de agregados e insumos agrícolas representam as maneiras mais baratas de entrada no mundo dos minérios, enquanto os metais exigem mais trabalho e maior investimento.

A diferença entre os dois grupos está justamente nas formas de ocorrência dos minérios.

No primeiro, geralmente estão em camadas contínuas, que não variam muito em relação às ocorrências dos metais, fazendo com que os trabalhos desde a prospecção até a pesquisa sejam mais simples e, portanto, mais baratos.

Outro ponto importante que separa estes dois grandes grupos de substâncias é a complexidade e custo presentes no beneficiamento requerido para vender o material lavrado.

exploração de recursos minerais

Qual o passo a passo da exploração de recursos minerais no Brasil?

Como dito anteriormente, o processo legal se inicia quando é protocolizado o requerimento de pesquisa.

Contudo, muito antes do requerimento de pesquisa ser protocolizado, é preciso tem em mente algum alvo para iniciar a exploração geológica.

A prospecção consiste na atividade recorrente na mineração que irá filtrar locais, usando conhecimento geológico e geofísico, para estabelecer os potenciais alvos.

Tendo o alvo em questão em mente, é hora de pedir permissão de pesquisa para a Agência Nacional de Mineração – ANM, com o Requerimento de Pesquisa Mineral.

Feita a pesquisa mineral e caso ela seja aprovada, o interessado na extração terá que iniciar todo o processo de licenciamentos envolvidos para que a atividade de lavra enfim seja iniciada.

O tempo de todo o processo, desde a prospecção até a Concessão de Lavra varia de acordo com o recurso mineral que pretende se extrair, o tamanho da área, a localização e outros fatores.

Passo 1: A prospecção mineral

A prospecção mineral é a fase de pré-requerimento de pesquisa mineral que, como já dito, é feita a fim de filtrarem as áreas e estabelecer um foco para a pesquisa em si.

Várias são as formas de realizar a prospecção e é possível procurar por esses alvos desde na literatura disponível ao público quanto dados aerogeofísicos encomendados em empresas especializadas.

Nesta fase e na pesquisa o que mais importa é ter um ótimo profissional que seja capaz de alcançar os objetivos propostos com muito pouco que lhe será fornecido, já que a fase de prospecção é a fase mais arriscada de todas, embora seja mais barata também.

São características interessantes dos geólogos que participam da prospecção e da pesquisa a experiência no ramo e a capacidade de realizar interpretações corretas comparando dados obtidos na literatura, em minas vizinhas e em imagens de satélite.

Passo 2: A pesquisa mineral

A pesquisa mineral é a fase mais longa de todo o processo e irá buscar definir o tamanho, forma e teores dos potenciais depósitos que estão disponíveis.

Os métodos de pesquisa variam muito, principalmente por causa das diversas substâncias que podem ser extraídas.

Dentre as substâncias, contudo, que podem ser explotadas, todas as pesquisas minerais usam pelo menos algum método geofísico para obter dados que sustentem a possível mina.

Quando deseja-se entender mais sobre depósitos de metais, por exemplo, usam-se os métodos conhecidos como eletrorresistividade, suscetibilidade magnética e suscetibilidade elétrica.

Já em depósitos submersos de areia é comum o uso de batímetros para conseguir obter a forma superficial do depósito.

Os dados de batimetro junto à dados de sondagens são capazes de fornecer qual o volume de areia que se espera extrair e se há níveis “contaminados” por argilas, por exemplo.

O final da pesquisa mineral consiste na avaliação do depósito, considerando seus teores, forma e tamanho.

Avaliar essas características físicas usando fatores externos à natureza, como a infra-estrutura presente no possível local de lavra, os custos para se realizar a extração, a longevidade da mina, entre outros, são de extrema importância na viabilidade do empreendimento.

Muitas vezes estes fatores, quando elaborados de maneira mal feita são os responsáveis por cessarem o investimentos.

Passo 3: O requerimento de lavra

O requerimento de lavra é a última fase para se abrir uma mina de qualquer substância no Brasil.

Para isso, é preciso reunir diversos documentos que comprovam a possibilidade de abertura e funcionamento da mina.

Dentre os documentos exigidos, os principais são o licenciamento ambiental, o Plano de Aproveitamento Econômico (PAE) e o atestado de capacidade financeira.

O licenciamento ambiental irá esclarecer quais os possíveis impactos serão causados pela atividade de mineração e quais serão as formas de mitigação e reparo que serão adotadas para estes danos.

É também no licenciamento que são esclarecidas quais comunidades de pessoas serão afetada e o que será feito a respeito delas.

O PAE é o documento que explicará como a lavra será realizada, por quais vias a produção será escoada, quantos funcionários irão trabalhar na mina e em quais ocupações, como o minério será extraído e por quanto tempo.

Portanto, ele deve explicar como toda a atividade irá ocorrer e garantir que a mina permanecerá saudável durante todo esse tempo e que só correrá riscos caso imprevistos muito severos ocorram.

Por fim, a capacidade financeira é a prova de que o empreendedor tem dinheiro para iniciar as atividades da mina.

Nessa parte, ele tem que demonstrar que tem a capacidade financeira de adquirir o maquinário e as ferramentas necessárias para a extração, o beneficiamento e o escoamento do que será produzido, além de adquirir os equipamento de segurança que são obrigatórios.

Mineração ativa

TIPOS DE EXPLORAÇÃO MINERAL

Os métodos para explorar recursos minerais são basicamente os métodos de lavra.

A lavra é o conjunto de operações que têm como objetivo o aproveitamento industrial de jazida, desde a extração de substâncias minerais úteis até o seu beneficiamento.

Os tipos de exploração de recursos minerais podem ser classificados em dois grandes grupos:

Lavra subterrânea e lavra a céu aberto.

Isso porque os dois possuem diferentes técnicas de explotação do minério, chamadas de métodos de lavra.

Lavra a céu aberto

Para este tipo, ocorre a extração do minério através de escavações na superfície.

Ele é indicado para rochas e minerais que estão em depósitos superficiais e sua forma de ocorrência está favorável a esse tipo de lavra.

De maneira geral, a rocha encaixante tem uma espessura relativamente pequena e não vai prejudicar esse tipo de lavra.

A exploração de recursos minerais usando a lavra a céu aberto é comum em minérios de: Quartzo, ferro, manganês, entre outros.

Vantagens e desvantagens da lavra a céu aberto:

Para esse tipo de exploração de recurso mineral, as duas principais vantagens são:

  • O uso de equipamentos de grande porte, devido ao espaço disponível aumentando a produção;
  • Facilidade da logística e da operação, pois, não foi aberta nenhuma cava.

Já as duas principais desvantagens são:

  • Algumas áreas próximas ficam sem utilidade devido a lavra do minério, a construção de depósitos de estéril e a construção da barragem de rejeitos.
  • O clima e o tempo do local tem grande influência na exploração mineral.

Lavra subterrânea

Para este tipo, a exploração do recurso mineral ocorre na parte subterrânea do solo.

Sendo utilizado principalmente para minérios estão em depósitos de média a grande profundidade.

Nesse caso, para acessar o minério existe um grande volume de estéril (material que não será utilizado) portanto, é necessário a abertura de túneis e galerias.

Além disso, em alguns casos a própria legislação impõe a lavra subterrânea.

A mina subterrânea precisa de operações auxiliares as da lavra, como:

Ventilação; escoramento de teto; energia elétrica; sinalização de emergência, entre outras para fazer com que as operações ocorram da maneira mais segura possível.

Alguns minerais que possuem esse tipo de exploração são: Cobre, scheelita, zinco, entre outros.

Vantagens e desvantagens da mina subterrânea

As duas vantagens desse tipo de mina são:

  • Existe um menor gasto com recuperação do local;
  • O tempo e o clima da região não tem influência nas operações;

As duas desvantagens são:

  • A probabilidade de ocorrer acidentes é maior;
  • O investimento na infraestrutura é maior;

Conclusão

Como visto acima, existem diversas etapas e procedimentos para que se possa explorar os minérios no país, caso o empreendedor queira começar um negócio na mineração, o ideal é que ele contrate uma consultoria mineral de qualidade para que possa auxiliar ele durante todos esses processos.

A GEOSCAN é uma empresa que atua há anos no mercado de pesquisa mineral, realizando a consultoria mineral e englobando todas as etapas para que se possa explorar recursos minerais. Se estiver necessitando de um desses serviços, entre em contato conosco!

Powered by Rock Convert

4 Comentários

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.