Banco de dados geológico: saiba tudo sobre

O banco de dados geológico é a base fundamental para todas as etapas da mineração, pois as informações da geologia e tudo que estiver nele vão servir de base para que possa ser construído o modelo do minério, que consequentemente vai ser base para que sejam definidas as plantas de beneficiamento.

Dessa forma, possuir um banco de dados estruturado é o procedimento mais básico que todos os geólogos que trabalham nessa área devem fazer. Além do banco de dados existem vários outros tópicos e processos importantes como:

Para conhecer mais acerca do tema de banco de dados geológicos, leia este conteúdo até o final!

Qual a importância de um bom banco de dados geológico?

O banco de dados geológico é extremamente importante, pois ele vai suportar todos os temas que foram citados acima e todos os processos que serão realizados, sendo crucial para a definição da viabilidade ou não do empreendimento mineral e de como ele vai ser aproveitado, caso seja viável.

Dessa forma, ter um banco de dados condizente com a realidade, sem nenhum tipo de duplicação ou erro é crucial nessa etapa, portanto, é recomendado gastar um bom tempo n organização do banco de dados para que a tomada de decisão seja assegurada por dados bem organizados e condizentes com a realidade. Vale ressaltar ainda que um sistema de gerenciamento de banco de dados não se resume somente ao software utilizado para inserir os dados de geologia obtidos.

banco de dados geológico

Sistema de gerenciamento de banco de dados geocientíficos

Um bom sistema de gerenciamento de banco de dados geocientíficos vai desde o planejamento da coleta dos dados primários, como, mapeamento geológico ou planejamento de sondagem, o procedimento de coleta das amostras, a coleta e disposição dos dados das amostras, os resultados físicos e resultados analíticos, o repositório central para que esses dados fiquem armazenados, sua distribuição para potenciais clientes ou investidores e o monitoramento e controle dos dados.

Além disso, esse banco de dados deve armazenar além de informações geológicas, informações multidisciplinares, relacionadas ao direito minerário, meio ambiente, hidrogeologia, barragem, geometalurgia e quaisquer outros tópicos que vão estar diretamente relacionados ao processo de exploração mineral daquela área.

Quem controla o banco de dados geológicos?

Geralmente, as atribuições para realização do controle do banco de dados geológicos costumam ser atribuídas ao gerente de geologia e/ou exploração, ao geólogo responsável pela campanha de sondagem, ao geólogo responsável pelo galpão e o administrador de banco de dados, que costuma ser responsável pelo software que armazena os dados coletados.

Além disso esse sistema costuma-se dividir também em coletadores ou produtores, que são: o sondador, o fiscal de sondagem, o amostrador, o técnico de laboratório, entre outros, que vão inserir as informações no sistema e aos clientes, que vão utilizar os dados para as análises, como, potenciais investidores ou diretores da empresa.

Por fim, existem também as equipes que vão coletar os dados, geralmente formadas por geólogos juniores e técnicos que vão utilizar as informações no dia a dia para prosseguir seu trabalho, mas não vão interferir diretamente no banco de dados.

Se quiser saber mais sobre temas relacionados a mineração, geologia, geofísica e outras áreas, continue acompanhando nossos conteúdos!

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.